Instituto de Permacultura e Ecovilas da Mata Atlântica

Permacultura?

O QUE É A PERMACULTURA?
Por Peter Webb

A Permacultura, baseada numa ética da terra, traz estímulos e soluções sociais gerados dentro das próprias comunidades. A sua filosofia e práticas simples, favorecem a reintegração do ser humano no seu meio ambiente de formas sustentáveis.

Criada na Austrália ao finados dos anos 70, tem como princípio a observação das estratégias da natureza. Desenvolve-se num design inteligente, racionalizando a organização de sítios e fazendas ou até mesmo de cidades, levando em consideração os aspectos típicos de cada região. Tendo claro as necessidades como : moradia, água, acesso, jardim, animais, lazer, área de produção, reserva florestal etc., podemos planejar tudo de forma integrado, com harmonia, eficiência e ecologicamente correto.
Tem como princípio a agricultura orgânica para o manejo produtivo. O cooperativismo é o caminho natural praticado e incentivado pela Permacultura não só entre as pessoas mas também entre todos os elos da paisagem, formando redes de apoio mutuo (ecossistemas).
Sem a permanência de cultura, a sociedade perde a seus vínculos com a terra.
A Mata Atlântica do litoral de São Paulo tem características próprias como se fosse um organismo.
Geografia acentuada, florestas exuberantes, chuvas intensas, famílias de índios, caiçaras e pequenos agricultores e uma qualidade de vida muito particular. Com o crescimento sazonal da população, além dos óbvios benefícios, um serie de problemas estão provocadas no meio ambiente. A expansão das áreas de moradias favorece o desmatamento, a poluição das águas e um aumento na quantidade de lixo gerado, além de provocar problemas sociais. Porém, os ‘turistas’, cada vez mais sensíveis aos assuntos do meio ambiente, geram emprego e rendimento para os municípios.

É necessário o desenvolvimento de estratégias e práticas para a recuperação e manutenção da qualidade de vida dentro de um plano regional de conservação:

– Trabalhos de educação ambiental, não só nas escolas, mas com os visitantes, para valorizar e fortalecer a integração das qualidades típicas de cada região.

– Incentivar o uso de tecnológicas apropriadas para evitar a poluição e para trabalhar a despoluição. Reflorestamento e plantio de agroflorestas com o envolvimento das escolas e a sociedade.

– Incentivos aos pequenos agricultores no manejo orgânico e ajuda na venda local das suas culturas como maneira de aproximar e integrar os vários partes da sociedade num ambiente, socialmente mais saudável.

É necessário que juntos, zelamos para o Nosso meio ambiente, enquanto respeitamos aquilo que herdamos.

Peter J Webb é formado em horticultura na ustrália e há mais de 14 anos pratica a Permacultura no Brasil.
E-mail: forest.garderner@terra.com.br

Anúncios